Preto & Branco

A HORA

Antes da hora da ponta, existe uma ocasião indeterminada em que os carros circulam não tanto desassossegados, assim como a sopa antes da refeição. Essa hora parece mesmo calma, serena, convidativa e sem turbulência, mas é apenas um parecer porque, estando no local do crime, o testemunho muda.

Atenção, falei “crime”! Chamo crime a cada gesto doloroso que fazemos para entrar no chapa – socos, pontapés, mordidas – essas tácticas representam a frente de batalha de Tróia, onde o vencedor é que consegue entrar e sentar-se.

Quem dera fosse entrar e sentar, oh quem dera! O povo que o diga, porque apenas somos ensardinhados e obrigados a criar posições eróticas e exóticas de tão estranhas que são para poder chegar ao destino.

Adicionar comentário

Leave a Reply