Preto & Branco

Homens armados assassinam mulher

Dez homens empunhando armas de fogo e catanas evadiram, pelas 18 horas, de quinta-feira última, uma mercearia no distrito de Muanza, província de Sofala, no centro do país, depois de saquearem o estabelecimento o seu rescaldo foi uma mulher morta e dois homens feridos.

A Polícia da República de Moçambique(PRM) confirmou, sexta-feira última (10 de Setembro), ao morte de uma mulher em incidente no distrito de Muanza, onde 10 homens armados invadiram um estabelecimento comercial. E segundo o porta-voz da PRM na província, Daniel Macuácua, uma mulher morreu e dois homens ficaram feridos.

Concretamente, o incidente ocorreu por volta das 18 horas na localidade de Chinapanimba, a 50 quilómetros da vila sede do distrito. O grupo apoderou-se de produtos de primeira necessidade que estavam no estabelecimento comercial, além de levar um montante não informado em dinheiro.

No entanto, Macuácua não confirmou se o grupo que atacou o estabelecimento comercial é integrado pela Junta Militar dissidente da Resistência Nacional Moçambicana (RENAMO), comandada por Mariano Nhongo. “Equipas trabalham no local para tentar identificar os autores do crime”, disse Macuácua em declaração à imprensa na manhã da sexta-feira retromencionada.

Adicionar comentário

Leave a Reply