Preto & Branco

Aumenta o número de cidadãos estrangeiros repatriados no país

Em resultado da realização de acções de fiscalização para averiguar a legalidade de entrada e permanência de cidadãos estrangeiros no Território Nacional, o Serviço Nacional de Migração, interpelou durante a semana finda (27 de Fevereiro a 05 de Março de 2021), 87 cidadãos estrangeiros em situação migratória irregular, dos quais 29 regularizaram a sua situação migratória e 58 foram repatriados para os países de proveniência. Informação está partilhada na manhã desta quinta-feira(11) pelo porta-voz do serviço Nacional de Migração(SENAMI) Celestino Matsinhe.

O porta-voz revelou a nossa reportagem que relativamente ao número de cidadãos estrangeiros repatriados, verificou-se um aumento na ordem de 75.%,  em relação ao igual período do ano passado, altura em que foram repatriados 14 imigrantes em situação irregular.

“Em relação a comparação feita com a semana anterior (20 a 26 de Fevereiro de 2021), foi registado um aumento na ordem de 37%, dado que na semana referênciada, 37 cidadãos estrangeiros de diversas nacionalidades foram repatriados a imigração clandestina, Permanência ilegal e falta de meios de subsistência   foram as principais causas de repatriamento verificadas neste período”. Destacou

Matsinhe disse aínda que  no período em análise, o SENAMI registou a recusa de entrada no território nacional a 24 cidadãos de diversas nacionalidades por não reunirem os requisitos necessários para o efeito, contra 24 de igual período de 2020, mantendo-se deste modo a percentagem equilibrada.

“Quando a comparação for feita em relação  à semana anterior (20 a 26 de Fevereiro de 2021), constata-se uma redução na ordem de 50%, sendo que

neste período foram recusados a entrada no território nacional a 12 cidadãos estrangeiros, entretanto a falta de vistos de entrada, falta de meios de subsistência e falta de clareza quanto aos motivos de vinda ao País, foram as causas principais de recusa à entrada”.Disse a fonte

De realçar que as recusas de entrada no período em análise foram registadas nos Postos de Travessia do Aeroporto Internacional de Mavalane, Aeroporto de Pemba, Posto de Travessia de  Ressano Garcia e Posto de Travessia de Namaacha.

Adicionar comentário

Leave a Reply