Preto & Branco

Nacala Logistics investe 17 milhões de meticais para formação de Pilotos de Barra

A empresa Nacala Logistics está investindo 17 milhões de meticais para a formação 14 Pilotos de Barra no país. A informação foi avançada na última terça-feira (22) de mês corrente pelo PCA das empresas do corredor de Nacala Welington Soares, pela ocasião da aula inaugural de Formação de Pilotos de Barra e que esse curso terá a duração de 18 meses sendo, 3 meses de aulas teórica e 15 meses aulas práticas no Porto de Nacala.

A formação vai permitir a movimentação dos navios nos portos do país em especial para Nacala e este sinal é um grande avanço uma vez que esta formação foi paralisada por algum tempo e sendo retomada agora e com este cenário, o país vai se preparar para grande desenvolvimento no futuro bastante próximo.

A abertura oficial da aula inaugural de formação de pilotos de barras foi procedido pelo Ministro dos Transportes e Comunicações Jafar Abdulai onde, na sua intervenção para alem de congratular a iniciativa, enfatizou que, a formação recém iniciada vai permitir a profissionalização dos formandos, respondendo assim à necessidade de treinamento prático e de estágios à bordo, requisitos cruciais para a sua certificação, enquanto graduados dos cursos marítimos da Escola Superior de Ciências Náuticas.

E no paralelismo desta ocasião, o ministro frisou que constituem igualmente contributos desta formação ˮo reforço da capacidade humana nos serviços marítimo˗portuários; rejuvenescimento do quadro actual de pilotos de barra e portos; aumento da capacidade de resposta às necessidades de pilotos de barra a nível nacional face à demanda por profissionais marítimos, decorrente do desenvolvimento dos projectos de petróleo e gás e consequente aumento de trafego marítimo; oportunidade para a especialização de quadros do sector marítimo e composição do quadro de profissionais nacionais para a sucessão da mão˗de˗obra estrangeira, disse Ministro de Transporte e Comunicações Jabar Abdulai.

O Ministro Jafar Abdulai considerou que os esforços empreendidos pela Escola Superior de Ciências Náuticas e a Nacala Logistics para a concretização desta iniciativa, não obstante o momento vivido mundialmente, renovam as nossas esperanças de uma rápida recuperação e melhor posicionamento do nosso país no ano prestes a começar e dai que o dirigente exortou aos formandos que não poupem esforços para aproveitar ao máximo esta oportunidade.

O objectivo de Nacala Logistics é garantir a formação local como é o exemplo de 14 profissionais mocambicanos formado pela esta empresa e com um olhar atento de trazer o conhecimento ao país que possa desenvolver de forma necessária.

De forma estratégica, a Nacala Logistics, no seu compromisso em ser um dos principais parceiros do desenvolvimento de Moçambique, vem se destacando pela sua abordagem em projectos que privilegiam a formação de mão˗de˗obra como uma das mais importante intervenções em benefício da sociedade.

De acordo com a Nacala Logistics, a jornada de contribuição da empresa na formação do capital humano vem desde os primórdios da sua constituição e dando seguimento dessa, exemplo disso, ao longo dos últimos 5 anos, são mais de 5 mil jovens formados em diversas áreas técnicas, como mecânica, electricidade, operação ferroviária e operação portuária, no âmbito do Programa de Formação Profissional (PFP) e Programa de Preparação para Mercado de Trabalho (PPMT).

Segundo PCA de empresas do Corredor de Nacala Welington Soares disse que com este investimento é extremamente oportuno não por valor mas sim pela técnica que a empresa vai trazer para Moçambique e a formação dos estudantes.

E quanto ao sector de empregabilidade, o PCA não descarta a hipótese de disponibilizar mais emprego aos jovens moçambicanos.

A formação é realizada numa altura em que a economia do país e do mundo estão a atravessar um momento critico, imposto pela pandemia do coronavírus, cuja principal característica é a redução do movimento de pessoas e bens, o que causou um impacto negativo no sector dos transportes.

 

Adicionar comentário

Leave a Reply