Preto & Branco

Secretário de Estado manteve contactos separados com os fazedores do desporto motorizado

O desporto automóvel e motociclista em Moçambique tem se notabilizado nos últimos anos, contribuindo para a promoção da imagem do país fora de portas.

A organização de provas reais e virtuais da modalidade no país, assim como a criação de projectos ligados ao apoio às comunidades moçambicanas residentes em zonas mais recônditas, são motivos que levaram o Secretário de Estado do Desporto, Carlos Gilberto Mendes, a visitar na tarde da passada sexta-feira, a Federação Moçambicana de Automobilismo e Motociclismo (FMAM) e a sede do Automóvel & Touring Clube de Moçambique (ATCM).

O dirigente acompanhou de perto o estágio das obras de reabilitação do escritório que está a ser modificado para servir de sede do organismo que pretende gerir o desporto motorizado nacional e inteirar-se do actual estágio do mesmo, e os passos que estão em curso para integrar todos os clubes que tem este desporto como a sua principal actividade no país.

Bruno Campos, presidente da FMAM, agradeceu a visita do SED, acompanhado dos seus quadros superiores, adiantou que neste momento estão na fase da remodelação da casa onde vai ficar a sede da instituição para depois arrumar a casa e juntar toda a família do desporto motorizado para um ambiente de trabalho harmonioso.

Depois de ouvir os membros da FMAM, o Secretário de Estado do Desporto visitou as instalações do ATCM.

A direcção do ATCM, liderada pelo advogado Rodrigo Rocha, apresentou tudo o que foi feito pela agremiação , os projectos futuros, na vertente desportiva e comunitária, como é o caso da acção que pretende levar a cabo, assim que terminar o período do Estado de Emergência, que é da introdução no país do uso de bicicletas partilhadas, denominado de micro mobilidade urbana, que estará disponível gratuitamente, mas obedecendo um certo padrão para a sua utilização, visando reduzir o impacto da falta de transportes nalgumas zonas do país, mas a começar pela capital Maputo.

No âmbito desportivo, o Secretário de Estado do Desporto ficou a conhecer as instalações da sede dessa instituição, localizada no Baía Mall. Percebeu ainda a forma como a instituição se financia para poder apadrinhar os vários projectos que tem em mão. Percebeu o elevado investimento feito na melhoria das infra-estruturas desportivas, nomeadamente, reabilitação das pistas, construção de um escritório desportivo e de gestão de pistas, assim como um Centro de Saúde desportiva, montado e devidamente apetrechado. A direção do ATCM mostrou ainda o elevado esforço que faz na formação dos seus quadros, quer em indivíduos que possam a ter habilidade certificada internacionalmente para fazer todas as certificações técnicas que o automobilismo deve conter, tendo sido com satisfação que tomou conhecimento que actualmente, existe capacidade local para elaboração de regulamentos e certificação de circuitos, entre os membros que compõem o quadro técnico do ATCM.

Ainda nesta visita, o ATCM manifestou a disponibilidade em ceder a sua pista para a preparação dos atletas qualificados para os jogos Olímpicos de Tóquio, bem como para quem ainda procura um lugar na maior festa desportiva do mundo.

No âmbito das visitas

O secretário de Estado do Desporto, Carlos Gilberto Mendes, trabalhou nesta sexta-feira no Clube Ferroviário de Maputo, onde se inteirou do seu funcionamento e projectos da agremiação locomotiva da capital do país.

A sua presença no clube mais eclético de Moçambique começou na sede desta colectividade desportiva, na baixa da Cidade de Maputo.

O presidente do clube, Teodomiro Ângelo, apresentou ao Secretario de Estado do Desporto, o projecto de requalificação das instalações que estão na baixa da Cidade de Maputo, que tem como novidade a construção de um Pavilhão multi-usos para as modalidades de salão, com maior destaque para o basquetebol.

No passado dia 1 de Abril, o histórico recinto nacional foi inspeccionado pela CAF no âmbito das vistorias dos Estádios de Futebol no Pais.

O histórico palco desportivo não possui o padrão recomendado para acolher jogos internacionais, dai que, o clube esta com um projecto de requalificação da infra-estrutura que acolheu a cerimónia da Independência nacional e outros momentos marcantes sócio – políticos e religiosos no solo pátrio.

O projecto de requalificação do Estádio da Machava inclui uma nova configuração, começando pelo piso, que voltara a ser natural, será montado assentos nas bancadas, o que daria a uma redução na capacidade actual dos 45 mil para 32 mil espectadores.

Os balneários serão transformados e estarão na zona do túnel de acesso ao campo, numa acção que também vai contemplar o exterior do Estádio, onde se pretende construir dois campos de relva sintética para a formação e uma projecto imobiliário no vasto espaço do emblemático recinto desportivo do país, com construção de um centro comercial, zona habitacional e outros serviços que se vai juntar as bombas e as lojas existentes no local.

O secretario de Estado do Desporto, saiu satisfeito com os projectos apresentados pela direcção do Clube Ferroviário de Maputo.

O Clube Ferroviário de Maputo foi fundado a 13 de Outubro de 1924, tendo neste momento nove modalidades em actividades (Futebol, Basquetebol, boxe, atletismo, hóquei em patins, natação, ginástica e Karate) e com a pretensão de introduzir mais cinco disciplinas desportivas (Ciclismo, voleibol, andebol, Xadrez e futsal) , mas tudo esta dependente da evolução das suas infraestruturas.

Visita a Cabo Delgado

É a primeira província a ser escalada por Gilberto Mendes, em missão de serviço. Por três dias, desde quarta-feira, 10 de Junho, o governante irá visitar diversos recintos desportivos, clubes e manter vários encontros com o movimento associativo de Cabo Delgado.

 

De acordo com uma nota divulgada pela Secretaria de Estado do Desporto, Gilberto Mendes irá, no primeiro dia de trabalho em Cabo Delgado, manter encontros separados e, de cortesia, com o secretário de Estado da Província, Armindo Ngunga e com o governador da Província, Valige Tauabo.

 

De seguida, o governante escalará, sucessivamente, o Complexo Desportivo de Pemba, o Estádio Municipal, as instalações dos clubes Associação Desportiva e o Desportivo, ambos da cidade de Pemba.

 

Adiante, Mendes manterá diversos encontros com representantes do movimento associativo desportivo da província, assim como com os quadros do Estado afectos ao sector do desporto nesta parcela do País.

 

Sempre de acordo com a nota, Gilberto Mendes faz-se acompanhar nesta visita pela directora do Fundo de Promoção Desportiva, Amélia Cabral.

 

De lembrar que Gilberto Mendes arquitecta uma via político-administrativa para colocar, sem critério, um representante da província de Cabo Delgado na próxima edição do Moçambola, prova a que o secretário de Estado pede para que seja disputada por 15 equipas.

 

Uma imposição que pode vir a ser compreendida como interferência política na gestão do futebol, facto que pode custar a suspensão e/ou até banimento do País como membro da FIFA.

Adicionar comentário

Leave a Reply