Preto & Branco

O Secretário de estado do desporto, mostra-se satisfeito pelo excelente trabalho que o clube desportivo de Mahafil Isslamo tem levado há cabo, principalmente na formação

Carlos Gilberto Mendes, falava nesta segunda-feira na sede do Grupo Desportivo Mahafil Isslamo, clube histórico da capital moçambicana localizado no bairro de Minkadjuine. Depois de ter conseguido colocar a relva natural no seu campo de futebol, o Mahafil continua a desenvolver iniciativas com vista a tornar a colectividade auto-sustentável.

Dirigindo-se a imprensa desportiva, Gilberto Mendes gostou do que viu no Mahafil e referiu a visita a este histórico clube insere-se no âmbito da auscultação do movimento associativo para a elaboração do plano de financiamento ao desporto.

“Viemos aqui ao Grupo Desportivo Mahafil simbolicamente por ser um clube histórico do movimento desportivo do país, com 105 anos, e que tem demonstrado muita pujança e um espírito associativo no verdadeiro sentido que os membros da Direcção, atletas, sócios e simpatizantes estão todos unidos em torno de uma causa que é a causa do clube e do desporto, vimos instalações remodeladas, um campo cuidado, uma direcção unida e acho que é um dos exemplos que deve ser apresentado para os outros clubes, para o movimento associativo, para mostrar que o desporto é solidariedade, é trabalho e acima de tudo é saúde, estamos muitos satisfeitos e temos que dar os parabéns pelo extraordinário trabalho que a Direcção do Mahafil tem estado a fazer e que vai nos inspirar a todos nós”, disse  Mendes.

Cássimo Issufo, vice-presidente da Área Desportiva do Mahafil, revelou que está para breve a abertura de novos espaços que possam aumentar as receitas do clube.

“Estamos com uma obra no centro social onde vão sair lojas, um salão para festas, centro de conferências, isso tudo para entrar algum valor para o clube, depois da obra no centro social vamos aumentar as bancadas para aumentar a assistência”, disse vice-presidente do Mahafil.

Chegar ao Moçambola com pés bem assentes no chão é o grande objectivo do Mahafil, um plano que iniciou com a melhoria das infraestruturas e que na temporada passada culminou com a conquista do Campeonato ao nível da cidade de Maputo.

Num outro desenvolvimento o secretário falou sobre as taxas aduaneiras que são impostas á federações, clubes e associações, no caso de compra de material desportivo, apelou que os envolvidos devem procurar meios de organizarem-se de modo que sejam isento a essas taxas.

 

 

 

 

 

 

 

 

Adicionar comentário

Leave a Reply