Preto & Branco

Complexo desportivo da associação Black Bulls surpeende Bilberto Mendes

O secretário de Estado do Desporto, Gilberto Mendes, deslocou-se na manhã desta segunda-feira, 18, à cidade na Matola, acompanhado de figuras ilustres do desporto nacional, para inteirar-se do estado das obras de construção do complexo desportivo da Associação Black Bulls. Na ocasião o dirigente mostrou-se fascinado com projecto, tendo caracterizado a iniciativa como exemplar e inspiradora para os clubes nacionais.

Na visita às instalações do complexo desportivo da Associação do Black Bulls, o Secretário de Estado do Desporto fez se acompanhar pelo presidente do Comité Olímpico de Moçambique Aníbal Manave, capitães dos Mambas, nomeadamente Dominguez e Mexer, bem como os presidentes de clubes como o Costa do Sol, Ferroviário de Maputo, Desportivo de Maputo e o Textáfrica do Chimoio.

No balanço da visita, o Secretário de Estado do Desporto afirmou que o projecto da Black Bulls é típico de uma indústria desportiva activa, vendo por isso o projecto como um exemplo para os demais clubes nacionais:

“Fico muito satisfeito pela forma como está a ser construído este estádio (…) é um exemplo para as instituições do estado e clubes(…) infraestruturas com muita boa qualidade só beneficiam o desporto” elogiou.

Por sua vez Dominguez, capitão dos Mambas, disse que o projecto da Black Bulls, pode alavancar a qualidade do futebol moçambicano:

“(…) É bom, já que Black Bulls acaba de subir para o Moçambola, espero que os outros clubes saibam tirar proveito, e num futuro próximo criamos mais projectos desses para que o Moçambola tenha mais qualidade” disse.

o presidente do Costa do Sol, campeão em título, vê com agrado o projecto do clube sediado na cidade da Matola:

“De facto foi uma surpresa agradável, já havíamos ouvido falar que há um projecto da Black bulls, mas não esperava que fosse uma coisa de tamanha dimensão, está de parabéns a Black Bulls pelo investimento que está a fazer. Como o presidente disse, é um empreendimento que vai servir não só a Matola, mas assim o país. Podemos daqui tirar ilações, que quando há vontade, as coisas são feitas devidamente, e é possível fazermos projectos deste nível internacional, e espero que nós os outros clubes aprendamos algo, possamos replicar nos nossos clubes” realçou.

 

A Associação Black Bulls, revelou que às instalações estarão sempre abertas aos demais clubes nacionais, para a realização, por exemplo de alguns jogos:

 

 

“A partir da altura que se criou a Black Bulls, entendemos que devíamos ter instalações próprias, e surgiu este projecto não só da construção do campos, mas também da própria academia para poder acomodar os próprios atletas(…)Já agora diante dos presidentes dos outros clubes, queríamos dizer que isto não é a casa do Black Bulls é a casa de todos nós, porque a dimensão deste projecto é muito enorme só para o uso da Black Bulls. Dispomos aqui de condições, e campos suficientes para os outros clubes poderem estagiar” disse Junaide Lalgy presidente da ABB.

segundo Lalgy, o projecto tem condições para acolher torneios internacionais:

“creio que aqui temos condições para poder realizar torneios internacionais das camadas de formação(…) isto é um projecto para todo o país(…)”terminou.

 

 

Adicionar comentário

Leave a Reply