Preto & Branco

Edmilson Dove não confirma interesse de Sundows

O Internacional moçambicano, Edmisol Dove, não confirma o interesse do gigante do futebol sul africano Mamelodi  Sundowns, ora avançado pela media moçambicana.

Falando á STV, o esquerdino afirmou não ter nenhuma informação oficial dado que nenhuma das pessoas que gere a sua carreira manteve em contacto até então contacto.

Sobre o assunto do Sundowns tenho muito pouco a dizer, porque nem eu e muito menos os meus empresários tiveram contacto com nenhum membro da direcção do Sundowns. Então esse é um assunto que pouco posso falar dele”, disse naquele canal televisão.

Dove olha para o possível interesse do Sundows como reconhecimento do seu trabalho. “Se existe um interesse em mim, acho que esse assunto nem pode ser eu a responder, mas sei que isso significa que o trabalho que tenho vindo a desenvolver aqui no meu clube, tem sido notável, o que já é muito bom”.

Embora uma possível transferência para a capital sul Africana para representar o actual campeão daquele país vizinho seja, de certa forma, um passo gigantesco para Dove, o internacional moçambicano ainda mantém se focado na realização do seu sonho de actuar na Europa.

“As minhas ambições não mudaram. Desde que comecei a jogar futebol profissional, sempre ambicionei jogar na Europa”, diz Dove, recordando a sua primeira tentativa de actuar no futebol europeu, concretamente em Portugal, mas que não resultou.

“Já fui a Portugal, em 2016, para fazer testes, mas provavelmente não tinha que estar lá, porque todas actividades desportivas tinham sido encerradas e, por causa disso, acabou não dando certo.  Mas ainda assim, ambiciono jogar na Europa e pisar um dos maiores palcos do futebol mundial”, concluiu.

Lembrar que Edmilson Dove chegou ao Cape Town City em meados de 2017, saído do Ferroviário de Maputo, onde tem se destacado com exibições de encher o olho, sendo um dos titulares da equipa principal. Mau grado a posição ocupada neste momento pela sua equipa, o Cape Town City, que está na 10ª posição, com 27 pontos, menos 21 que o líder do Campeonato, o Kaiser Chiefs, que soma 48 pontos. Uma posição que Edmilson espera que seja melhorada assim que o futebol retomar na vizinha África do Sul

Adicionar comentário

Leave a Reply