Preto & Branco

OIT alerta para perda 25 milhões postos de trabalho

Face a pandemia mundial covid-19, a Organização Internacional do Trabalho (OIT), alerta para possível perda de 25 milhões de postos de emprego no mundo.
Segundo a OIT, se houver uma resposta política global coordenada, no entanto, como na crise financeira global de 2008 e 2009, o impacto do desemprego poderá ser significativamente menor. Por outro lado, a agência da ONU,  defende a adaptação de medidas urgentes, em larga escala, coordenada e baseadas em três pilares;
1- Proteger o trabalhador no local de trabalho.

2- Estimular a economia e o emprego.

3- Apoiar os pontos de trabalho e renda.

Estas medidas incluem a ampliação e proteção social  e o apoio à manutenção de empregos. Seja através do trabalho com jornada produzida, licença remunerada e outros subsídios. Também inclui benefícios fiscais e financeiros, inclusive, para pequenas e médias empresas.
A avaliação, propõe criar medidas de política fiscal e monetária, além de empréstimos e do apoio financeiro a sectores económicos específicos, de empréstimos e do apoio financeiro a sectores económicos financeiros específicos.
Com base em diferentes cenários, a Organização Internacional do Trabalho  indica um aumento significativo no desemprego global entre, 5.3 milhões que pode ir até 24.7milhões.
Em termos comparativos, a crise financeira global de 2008-2009 aumentou o desemprego global em 22milhões.
Em nota, o director geral da OIT, Guy Ryder, disse que esta ” não é somente uma crise global de saúde, é também uma grande crise do mercado do trabalho e econômica, que está causar um enorme impacto em pessoas.”

Adicionar comentário

Leave a Reply